quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Driver San Francisco - Curiosidades e Leve Análise


(off) recentemente eu criei uma conta no DropBox, eu tinha um arquivo em pdf
desse artigo, as imagens são um pouco melhores, se quiserem baixar, cliquem aqui.


Resumo

Imagine um jogo em que você possa dirigir carros licenciados, tanto populares como exóticos, com visão do cockpit em uma cidade também licenciada ao melhor estilo jogo aberto, estale os dedos... poff!, Driver San Francisco! Este jogo sucede o Driver Parrallel Lines, que eu também achei bom, e ao poucos a série Driver retoma o nome que esteve no auge com Driver 2: The Wheelman is Back, e no fundo do poço com Driv3r.
Apesar de eu não gostar muito de jogos de ficção, deste eu gostei, o enredo aconteçe enquanto Tanner está em coma, ele fisicamente passa a história inteira deitado em uma maca ouvindo um noticiário no rádio (Keep the Eyes on The City), e enquanto isso, sua alma assume os mais diversos e curiosos personagens de São Francisco à procura de seu clássico inimigo Charles Jericho, que fugiu cinematograficamente da prisão enquanto era transportado numa van.

O jogo conta com missões diversificadas, as missões principais são até fáceis, com exeção da última; “Déjà Vú”. Em geral as missões principais exploram a liberdade que o personagem obtém com o coma, por exemplo; passar por dentro dos carros, dirigir dois carros ao mesmo tempo, arremessar veículos entre outras. As secundárias são um  pouco mais difíceis, mas nada muito impossível, nelas John Tanner assume vários personagens em missões diferenciadas, algumas como policial, outras como corredor de rua, e ainda outras.

O jogo só ficaria melhor se as mudanças climáticas acontecessem durante o jogo (acontece mudança de tempo, mas só em algumas missões principais) e se fosse possível usar o pisca-pisca, que existe mas é igual no Driver 2, e claro, se tivesse motocicletas na cidade também seria legal.



Curiosidades
- O jogo possui ciclovias e bicicletas, porem não dá para andar nelas.
- Existem marchas com câmbio alavanca ou borboleta, além dos automáticos como o Chevrolet Volt.
- Se você dirigir bem rápido com um DeLorean você meio que se transporta para o passado, assim como no filme De Volta Para o Futuro, e desbloqueia um desafio maneiro que é inspirado na primeira fase do primeiro jogo da série; Driver: You Are the Wheelman, o nome da missão é: Are You the Wheelman?
- No jogo Driver Parallel Lines, existia uma garagem chamada Hunt’s Point, em Driver San Francisco existe uma que se chama Hunters Point.
- Neste jogo uma das músicas mais famosas é “Sitting at Home Alone” muito parecida com “Sitting Here Alone” do Hound Dog Taylor, a segunda, apareceu em Driver 2.
- Foi lançado uma edição de colecionador do jogo, com uma miniatura de Dodge Chalenger R/T e um mapa de San Francisco, no jogo existem alguns extras como carros a mais.
- Foi lançado um gibi junto com o game, chamado Driver The Pursuit of Nothingness


- Capa do jogo:



Carros Curiosos

- Fusca (Bettle)
- Kombi (Camper)
- DeLorean
- Blazer
- Bel Air
- Lamborghini Diablo
- Lamborghini Countach
- Lamborghini Miura
- Hudson Hornet
- Jeep Wrangler




 
TOPO
©2010 My Deviantart | My Twitter